MANANCIAIS DE AMOR


13.03.2013


ENVELHECER É INEVITÁVEL

 

 

 

*** 

Envelhecer é um verbo que muitas mulheres sonham em riscar do dicionário... mas envelhecer é inevitável.

É a partir dos 40 anos que todas as transformações que causam desconforto, acontecem no corpo feminino.

Cuidado com a alimentação e exercícios físicos devem ter atenção redobrada nesta fase da vida.

E não é só a aparência física que muda com o passar dos anos.

É preciso atenção às tendências da cultura e do comportamento de cada época, para não ficar parada no tempo.

A maturidade não é uma fase somente de perdas.

As mulheres com mais de 40 anos estão no auge, são independentes, mais seguras e livres, sexualmente mais resolvidas, conhecem melhor o próprio corpo e as coisas de que gosta ou não gosta.

Isso é o que ela ganha com a idade.

Afinal, “fruta só fica plenamente doce depois que amadurece”.

E é esse o ponto máximo também de sua cor, textura e perfume.

Na chamada idade da loba, a moda deve ser usada como uma grande aliada.

Na hora de se vestir, privilegie as partes que podem chamar atenção positivamente.

A partir daí, utilize-se das tendências da moda de forma a valorizar o que tem de bonito e neutralizar os pontos mais fracos.

Normalmente, as mulheres desta idade têm pernas e colo bonitos, mas a barriga, nem sempre.

Às vezes, é bom esconder um pouco os braços, mas se você tem braços bonitos, aproveite e mostre.

Olhe-se no espelho, vire-se, analise todos os ângulos, então decida se a roupa cai bem e tem a ver com sua personalidade.

A principal dica das especialistas de moda para não errar no vestuário aos 40: o espelho é sempre o melhor amigo.

Na hora de definir o guarda-roupa, não é necessário recorrer aos ultrapassados casaquinhos de vovó nem ficar presa àquele visual néon da década de 80 que a deixava em sua melhor forma.

Se você tem idade a partir dos 40 anos, é dona de uma vantagem em relação às garotas de 20: se conhece melhor.

Então é hora de encarar a realidade e prestar atenção nas roupas feitas para mulheres do seu tempo.

Tudo o que você veste precisa ter forma impecável, ter corte, costuras, estrutura.

Se você quer usar uma saia dessas que estão na moda, rodadas e desestruturadas, então combine com um casaqueto estruturado, que vai manter sua postura.

Optou por uma bata fluída?

Combine com uma calça bem cortada.

As calças de verão são mais leves e amplas, as pantalonas são muito elegantes e o jeans pode ser usado a qualquer hora do dia e da noite, apenas compre um que valorize suas formas.

Os vestidos com decotes moderados valorizam o colo, que é sempre bonito.

Procure os modelos até os joelhos.

Nos pés, sapatos scarpin são sempre a melhor pedida para o dia - bicolor ou com um aplique de laçinho, escolha seu favorito.

À noite, opte por sandálias com pequenos detalhes de strass. Sandálias rasteirinhas também são uma boa pedida para o fim de semana com a família, além de anabelas de madeira, cortiça e corda, que acompanham muito bem saias e vestidos longos.

Invista nas cores. Tons pastéis, os tais “bebês” vão lhe deixar envelhecida.

Eles não têm suficiente valor de cor e luminosidade para dar a sua pele brilho suficiente.

Cores muito escuras vão destacar que sua pele já está mais fina e desbotada.

Então aproveite para usar cores de verdade.

Use amarelo, verde, vermelho, azul, branco e preto.

Cores sólidas e plenas, como você.

 

Refletir o próprio estado de espírito e ser elegante nas proporções é o ponto de partida.

 

*** 

 

 MBB

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 20h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13.11.2012


CASA DO CAMPO

Miriam

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 03h34
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

19.08.2012


LARA FABIAN

 

LINDISSIMA INTERPRETAÇÃO - MELODIA E LETRA!

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 04h02
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

08.07.2012


QUE EU TENHA UM OLHAR PURO

***

Limpa o meu olhar, Senhor!

 

Um olhar “condicionado” é um olhar determinado pela escravidão a algo que não deixa ver!

O problema é que o que condiciona o olhar é o próprio olhar...

O olhar, portanto, é o mestre ou o algoz do próprio olhar...

Isto porque há um olhar que antecede ao olhar que vê...

Falo do olhar que não usa os olhos, mas interpreta a vida...

Sim, falo do olhar que todo ser humano tem, mesmo quando fica cego...

Olhar é interpretar...

Entretanto, há um olhar que precede o interpretar...

Que olhar é esse?...

Ora, é o olhar de meu ser acerca de mim mesma!...

Eu não vejo mundo algum sem que o veja a partir de meu ser!...

Por isto [...] Jesus disse que os olhos são a lâmpada do corpo/ser...

O olhar do meu ser não tem que iluminar o mundo com luzes de falsificação...

O olhar do meu ser somente será iluminado se antes me iluminar!...

O meu olhar não tem que iluminar o mundo, mas tem que me iluminar em qualquer que seja o mundo...

A escuridão não está no mundo...

A escuridão está em mim...

Assim, Jesus diz que será a luz do mundo apenas aquele que tem um olhar que ilumina antes o seu próprio ser...

“Vós sois a luz do mundo” [...]

 

“Os olhos são a lâmpada do corpo... Se os teus olhos forem bons, todo teu ser estará iluminado, mas se forem maus, todo o teu ser estará em trevas”...

 

Mas há quem se candidate a ser luz do mundo vivendo em profunda escuridão...

É mais fácil brincar de luz do mundo do que limpar o olhar todos os dias!...

Desse modo, por tal principio, o que Jesus me ensina é que o mundo pode ficar como ficar, mas, ainda assim, meu ser poderá ser pura luz apesar de tudo...

Não estou esperando a luz acender no mundo para ajudar o meu olhar...

Não!

O mundo não se iluminará a fim de me ajudar!...

Todavia, ainda que eu ande no vale da sombra da morte não me faltará Luz no Olhar, pois, Tu estás comigo...   

Olhar/consciência/luz!...

O Evangelho limpa o olhar...

O Evangelho produz consciência...

O Evangelho é Luz...

Jesus é o Evangelho...

Jesus vai se tornando a consciência do discípulo...

Jesus é a Luz do meu olhar...

Neste momento de reflexão e revelação... tudo o que peço ao Pai é um olhar/crer/interpretar/sentir muito mais limpo do jamais antes em minha vida...

É o que desejo a você também!...

 ***

 

 ***

Em Cristo, que quer ser a minha mente, a minha alma e a minha expressão de ser em mim e na vida [...], a fim de que, sendo como Ele [...], eu seja como eu mesma deveria ser...

***

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 04h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

31.05.2012


REFLEXÃO


***

Triste? Sim!
Ainda que não entenda tão bem tanta ingratidão e injustiça, sei que até nelas, tudo coopera para o bem...
Uma das certezas que possuo - quanto ao caso em pauta - é que...
Somos como o ano velho.
Como um montão de anos velhos, acumulados, camuflados pra que ninguém enxergue.
Vivemos a repetir o que já sabemos, o que já experimentamos, o que aprendemos a gostar até sem saborear.
Repetimos também sentimentos, opiniões, idéias, convicções.
Somos uma interminável repetição, com raras aberturas reais e verdadeiras para o novo do qual cada instante está prenhe.
Somos muito mais memória do que aventura.
Somos mais eco do que descoberta.
Somos mais resíduos do que algo concreto.
Pior... gostamos do velho, porque temos medo de pular fora dele e abrirmo-nos para o NOVO!

Fala a verdade pra você mesmo!
***



Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 23h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

16.05.2012


LARA FABIAN - INIGUALAVEL

Uma seleção das melhores interpretações de LARA FABIAN

VALE À PENA!

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 01h50
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

29.04.2012


Formatando ... 29 abril

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 21h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05.04.2012


A PÁSCOA QUE RESSUSCITA MORTOS

 

 

***

A sexta-feira dos judeus começa na quinta-feira às seis da tarde e termina na sexta à mesma hora ao entardecer.

Portanto, na última sexta-feira de vida físico/terrena de Jesus, Ele foi traído...

Traído, negado e deixado pelos Seus amigos!...

Assim, do ponto de vista psicológico/relacional da Páscoa de Jesus, tem-se a sexta-feira das traições, negações, abandonos e maus tratos...

Tem-se o sábado do silencio do Traído, o choro dos negantes e a morte por suicídio de um dos traidores emblemáticos, Judas...

Domingo tem-se o grito do Traído vencendo todas as traições com a força da Ressurreição, que perdoa a todos os cativos da morte, posto que a morte, ou o medo de morrer, sejam os fatores que, associados à inveja, frustração ou qualquer outro sentimento que decorra do medo da morte ou da necessidade de não perder a vida ou a oportunidade da existência — façam as pessoas, por caminhos diversos, traírem, negarem ou fugirem do amor antes confessado.

 

Assim, se a Páscoa nos fala da Libertação da morte e do medo de morrer, bem como nos anuncia a vitória da Ressurreição sobre as garras da morte, do mesmo modo nos fala de nós mesmos... sim, do nosso poder de negar e de trair, bem como do nosso poder de ressuscitar mortos pela via do perdão.

 

Quem nunca foi traído por algum amigo ou por vários deles?

 

Eu, no que me concerne, de um modo ou de outro, já fui traída muitas vezes, e pelos melhores amigos; amigos que ainda hoje me são os melhores amigos pelo poder da Ressurreição.

 

Sim, pois Perdão é Ressurreição!

 

No Evangelho, Perdão é o poder que Ressuscita os que se suicidaram ante os nossos olhos, ou que nos traíram quando antes nos confessavam apenas amor.

 

Praticamente nunca tive amigos que leve ou pesadamente não me tenham traído!

 

Por vezes é algo involuntário, que não visa atingir a você, mas apenas salvar a própria pele...

 

Por vezes são traições deliberadas, mesmo que aquela que trai pense que somente faz aquilo porque você já não está mais no circulo da vida...

Os temas de tais traições são diversos, bem como sua gravidade ou intensidade destrutiva...

 

Sim, pois há as traições que negociam você, como fez Judas; e há as traições que negam você, como fez Pedro; e ainda há a traição dos que fogem de medo, racionalizando: “De que adianta a ele que eu agora lhe conforme amizade se ele mesmo já perdeu a chance da vida e da continuidade?”

 

Todos os meus amigos mais íntimos, de um modo ou de outro, até quando pensam não estar traindo, por vezes traem [...] até quando se calam...

 

Mas e daí?

 

O Perdão é a Ressurreição dos que se fizeram mortos para você, mas que pela Graça em seu coração lhe foram devolvidos á sua própria vida, e à vida deles mesmos por você — exclusivamente pelo poder de fazer as marcas da morte serem vencidas pelo Perdão que Ressuscita o traidores, oferecendo-lhes o mundo novo que, em amizade, você lhes oferece; como Jesus fez com Seus amigos.

 

Quem vive esperando não ser traído pelos seus amigos não entendeu que isso nunca foi ou será possível!

 

Há um só Amigo que jamais traiu em pensamento, palavras, ações, comissões e omissões!

 

Os demais, mesmo os melhores, traem... e quem não sabe disso nunca aprendeu o que seja ter amigos e mantê-los apesar de tudo!

 

Já fui traído por amigos muitas vezes, até quando alguns deles nem imaginavam que estavam me traindo...

 

Mas e daí?

 

Afinal, você sabe que já traiu também...

 

Sim, não apenas quando vendeu alguém ou negou que fosse amigo e íntimo, mas quando fez silêncio, ou aceitou um veredicto perverso contra o outro, ou mesmo quando criticou sem dizer, quando cobiçou ainda que sem possuir, quando fez parte de algo [...], por mais sutil que tenha sido, ou até involuntariamente, mas que atingiu a vida do outro.

 

Nesta Páscoa Ressuscite você... muitos amigos!

 

Sim, faça isto perdoando-os... assim como Jesus fez, devolvendo vida aos amigos que Dele haviam se ausentado pela fraqueza do caráter ou mesmo em razão do poder da vergonha [...] por terem feito o que fizeram.

 

Sim, nesta Páscoa exerça o Poder da Ressurreição praticando a Graça do Perdão, e, desse modo, devolvendo vida a muita gente que, em relação a você, se sente morta para sempre!

 

Tire esta Páscoa dos ambientes da Ressurreição apenas doutrinária ou tão somente da fé no Ressuscitado/Histórico!

 

Esta Páscoa pode levantar mortos ante os seus olhos. Sim, não como algo distante de você, porém como aquilo que acontece ao seu lado, bem perto de você.

 

Ora, isto somente será real e verdadeiro se você reproduzir perdão com a fertilidade dos coelhinhos...

 

Quem me lê e me entende e esse Ressuscita os mortos, posto que os traga de volta à vida pelo Perdão que ressuscita [...] os que ante nossos sentidos se zumbificaram pela traição, negação, omissão ou comissão que nos fez mal.

 

Feliz Páscoa para você!

 

Que todos sejam perdoados nEle, que Ressuscitou para perdoar-nos, eternamente, e para dar-nos o poder de ressuscitar os que se mataram ante os meus sentidos.

***

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 14h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

18.03.2012


A MULHER MADURA

 

*** 

A Mulher Madura não pega... ela toca.

A Mulher Madura não come... ela se alimenta.

A Mulher madura não provoca... ela é provocante.

A Mulher madura não é inteligente... ela é sábia.

A Mulher Madura não se insinua... ela sutilmente induz.

A Mulher madura não se precipita... ela mostra o caminho certo.

A Mulher Madura não nada... ela navega.

A mulher madura não voa... ela flutua.

A mulher madura não pensa em quantidade... ela pensa em qualidade.

A mulher madura não vê... ela observa.

A mulher madura não anda... ela caminha.

A mulher madura não deita... ela adormece.

A mulher madura não é pretensiosa... ela simplesmente gosta.

A mulher madura não julga... ela analisa.

A mulher madura não compara... ela assimila.

A mulher madura não acorda... ela desperta.

A mulher madura não coloca algemas... ela os deixa livre.

A mulher madura não enfeitiça... ela encanta.

A mulher madura não é decidida... ela apenas sabe o que quer.

A mulher madura não é exigente... ela é seletiva.

A mulher madura não se sente velha... ela se considera experiente.

A mulher madura não se lamenta... ela tenta fazer diferente.

A mulher madura não tem medo... ela tem receio.

A mulher madura não faz jura... ela deixa por conta do tempo.

A mulher madura não tira conclusões... ela faz suposições.

A mulher madura não desce do salto... ela tem jogo de cintura.

A mulher madura não brilha... ela é iluminada.

A mulher madura não dá tchau... ela acena.

A mulher madura não gosta de ser vigiada... ela prefere ser escoltada.

A mulher madura não é moderna... ela é elegante.

A mulher madura não quer ser cobiçada... ela quer ser desejada.

A mulher madura não possui sombras... ela tem aura.

A mulher madura não adivinha... ela tem percepção.

A mulher madura não faz sexo... ela é mestre na arte de fazer amor.

A mulher madura não fica... ela se envolve.

A mulher madura não é fácil... ela é flexível.

A mulher madura não manda... ela administra.

A mulher madura não aflora... ela é o florescer.

Enfim, a mulher madura é um conjunto de todas as belezas só possíveis a elas.

Mulher sensível, porém, guerreira... forte, sem perder sua feminilidade.

Muitos não possuem sensibilidade para perceber tal beleza, contudo, aqueles que a descobrem...

Preferem morrer nos braços dessa tal mulher, que não é Doce, mas que, simplesmente, é puro Mel.

***

(O texto mais verdadeiro, e, por isso mesmo, lindo... escrito por um homem)

***

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 21h54
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

08.03.2012


A MULHER E SEU PODER!

 

***

As mulheres são os seres mais poderosos da Terra.

Sexo frágil?

Qual?

Na realidade o que se deveria dizer é que sexo é o fraco dos homens, e o forte das mulheres.

Como?

Ora, desde sempre foi assim.

A própria narrativa do Gênesis diz que a mulher foi quem persuadiu o homem a comer do fruto.

Sim, a mulher tem poder para fazer o homem comer qualquer fruto.
De fato, tal poder de persuasão decorre dessa força frágil, que geme, que pede, que insinua, que paga com “alegrias”, que põe o homem no caminho do desejo de possuir, sem saber que ele é o possuído... isto quando a mulher é sábia.
Na minha maneira de ver não há nada de errado em possuir tal poder.

Afinal, essa persuasão é uma dádiva divina.

O problema é que na maioria das vezes esse poder é usado de modo inverso e insensato.

Sim, porque ao invés de se persuadir para o que é bom, para o que concilia e promove a paz, e para tudo aquilo que possa ser sedução da sensatez, essa força é, muitas vezes, apenas usada para manipular e para negociar com o homem, e nos termos distorcidos dos machos.
Assim, esse maravilhoso poder passa a só ser percebido como sedução sexual, e quase nunca como poder para exercer a persuasão da sabedoria.

Isto porque é minha convicção que toda mulher que decide usar esse poder para o bem, vem a tornar-se o ser mais desejável e bem-aventurado que pode existir na vida.
Infelizmente, no entanto, as invejas, as vaidades, as competições pequenas, e a mesquinharia, acabam por fazer com tal poder acabe por ser quase sempre apenas sedução para a guerra ou para a manipulação que torna a mulher menos mulher, e mais parecida com o homem.
Na realidade as mulheres parecem ter perdido a ambição da persuasão da sabedoria.

De fato, a mulher sábia está fora de moda, e as que ainda existem têm medo de se manifestar, visto que sensatez virou caretice para boa parte das mulheres.
Então, vê-se essa virtude e poder sendo usados para se ‘revolver’ no pior da vida, e não para propor e viver a vida que constrange pela sabedoria.
De fato me alegro imensamente quando encontro uma mulher que é mais confiante na sabedoria do que na sedução, e mais comprometida com o poder do bom senso do que com a capacidade de usar seu poder para coisas pequenas, embora consideradas intocáveis como espertezas femininas.
Todo fruto, mesmo que venenoso, sendo dado por uma mulher, tem o poder de se tornar irresistível.

Mas a mulher precisa recuperar a percepção de que sua grande força é ser mulher que persuade para o bem.

Não é à toa que Paulo na Biblia diz que a mulher é a glória do homem!

“Glória”, antes de ser nome de mulher, deve ser o estado saudável do ser feminino.

Minha homenagem às minhas iguais neste dia Internacional da Mulher!

***

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 22h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05.03.2012


O 'NADA' NA VIDA QUE É O PROBLEMA

***

O MAIOR PROBLEMA É O NADA DA VIDA!

 

Ninguém sabe nada de nada.

Quem diz que sabe é pretensioso e tolo.

Afinal, quem controla o quê?

Literalmente, conforme disse Jesus, não posso acrescentar sequer um metro a mais ao curso de meu caminhar na Terra.

Num minuto está tudo bem.

No outro um tufão de tristeza e emoções podem simplesmente dar contra a nossa existência.

Entretanto, quando existem razões objetivas para a dor, ainda está tudo bem.

O duro é quando você olha e se pergunta: 'mas o que houve de fato aqui que possa explicar o volume de dor e problemas que gerou?'

Sim! Pois, o maior problema é o que não existe!

Ora, o problema existente tem solução objetiva e simples, até mesmo quando não tem solução...

Em tal caso, é deixar, pois, a não solução já é a solução.

Porém, o problema inexistente somente existe em um lugar no qual não há critérios de mensurabilidade: o interior e a subjetividade.

A questão é que a maior parte dos problemas nasce do que não é ou não existe de modo real e objetivo!

Sim! São problemas de comunicação ou excessos de interpretação!

Sim! São problemas relacionados ao que se disse ter perdoado sem que se tenha jamais perdoado!

Sim! São desejos e antipatias inconscientes e que se transformam em guerra sem sentido!

Sim! São disputas inconscientes por razão e razão!

Sim! São projeções e transferências que são feitas e que pintam o outro de diabo!

Sim! Problemas inexistentes são o diabo nas entrelinhas!

Quando você estiver apoquentado, antes de tudo se pergunte: Qual o nível de existência desse problema?

Ora, na realidade a maioria dos problemas não resiste sequer à resposta objetiva que se possa dar a tal questão!

 

Assim, não se enrole nos novelos que não existem, pois, de fato, tais linhas invisíveis são as que mais nos prendem ao nada que se apresenta a nós com o poder do tudo, embora nada seja.

 

Pense nisto!

***

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 11h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

29.02.2012


O MUNDO QUE JAZ...

 

***

Os poderes deste mundo são esmagadores.

Seu Príncipe um dia disse a Jesus que tal poder lhe fora dado, afirmando assim que este mundo é do diabo... e, por mundo, entenda-se o sistema de poder e as mecânicas de troca e de controle que existem na sociedade humana, como o dinheiro, a política, a propaganda, os processos de indução da mente, e todos os valores e dês-valores pelos quais os seres humanos existem... alguns deste pseudo-valores dissimulados como honra, outros como reputação, outros como sucesso, outros como estética, outros como cultura, outros como religião, outros como moral, outros como justiça, outros como leis, outros como imagem, outros como propriedade, outros como obrigação para com as convenções estabelecidas, outros como normalidade, outros como direito pessoal, outros como Direito Instituído, outros como comércio, outros como negócio, outros como moda, outros como fama, outros como admirável nome, outros como dever, outros como qualquer que seja a forma de poder a se ter e praticar uns sobre os outros...

É, no mínimo, de tais coisas que vêm as forças que controlam os homens; ou seja: o mundo!
Sim... é por tais realidades estabelecidas que se mata, se vinga, se odeia, se divide, se sai à guerra, se constroem armas, se imagina o engano como propaganda, se desenvolvem as ciências da manipulação, e, conseqüentemente, é daí também que nascem as frustrações, os medos, os sentimentos de inadequação, as invejas, as comparações, os cultos ao ter e ao poder, as angustias, as fobias, as desordens psíquicas, os surtos de supremacia e hegemonia, as vontades do capricho, a idolatria, as carências, os descontentamentos, e o afã por se fazer qualquer coisa para que se não fique para trás...

Foi por isto que Jesus disse que o Seu Reino não era deste mundo, e nem poderia ser, posto que os valores, as importâncias desta ordem de coisas [...], sim, todas elas, jazem no maligno, como disse o apóstolo João.
Assim, ser mundano é ser guiado pelo espirito deste mundo e pelas suas importâncias; cultuando os ídolos objetivos e subjetivos criados pelo Grande Fabricante de Importâncias de Existências que não são Vida; a saber: o Diabo!
É impensável [...], mas todos nós somos mais possuídos pelo espirito deste mundo do que desejamos admitir; e, para nós, parece que a existência fica sem graça sem que nos entreguemos a tal espirito e suas buscas de felicidade [...] como obtenção ou ostentação.

 

Jesus, no entanto, nunca propôs um caminho de alienação; visto que orou ao Pai: “Não te peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal”.
Desse modo, é no mundo que tenho de viver, ao invés de me alienar dele, porém, existe uma vida que atravessa o mundo sem que dependa dos mecanismos e dinâmicas de valores e significados que o impulsionam, bem como animam aos seus alienados seguidores;
Sim... dos seguidores do curso deste mundo...

 

Ora, tal vida no mundo, porém sem que se o siga, é aquela única vida que vemos em Jesus e no Seu caminhar humano!
Jesus é Aquele que viveu no mundo, sem anticépticos, mas que, ao mesmo tempo, passou por ele livre do mal... deixando-nos o exemplo de como tal caminhar se torna em vereda de vida para nós.
***

***

Paulo disse que uma das realidades que nos caracterizariam como gente no mundo, mas livres deles, seria a capacidade de vivermos em estado diário de desapego.
Desapego!
Sim... a afirmação de importância capital feita por Paulo é esta: “Que os casados sejam como se não o fossem; que os que se alegram como se não se alegrassem; que os que choram sejam como se não chorassem; os que compram, como se nada possuíssem; os que se utilizam deste mundo, como se dele não se utilizassem” 
Desapego... posto que a aparência deste mundo passa... [...]; e tudo o que nele se vende não perdura, posto que seja feito para iludir e não satisfazer jamais...
Além disso, este mundo é afirmado no Evangelho como sendo um cemitério de diversões e de ilusões... daí se afirmar que ele jaz [...]; ou seja: que ele está morto no jazigo do engano das aparências...
Tudo passa; tudo se esvai; tudo logo perde seu brilho; tudo perde sua importância; tudo vira história, conto...[...]; e isto na melhor das hipóteses...
Sim... posto que tudo seja miragem; tudo seja vaidade e correr atrás do vento em plena alegria de insanidade...
Ora, é apenas quando essa compreensão espiritual nos controla a mente e as interpretações da existência que se começa a colocar o pé no caminho, na vereda, no chão do desapego.
Pois tudo passa rapidamente e nós voamos” — diz o Salmo!
No fim, o que faz diferença não é ter conhecido a Terra toda, mas seu próprio coração até onde seja possível!
Sim... no fim o que importa não são os muitos conhecimentos, mas os verdadeiros vínculos de amor fiel e leal.
No entanto, para muitos que me leem, viciados que estão nas drogas existenciais do espirito deste mundo, dependentes que se tornaram nos alteradores de consciência do Grande Traficante, tais palavras parecem com os dizeres de uma moribunda e desenganada.
Toda-via, apesar de todas as vias que se procure, eu sei, e sei pelo Evangelho e pela própria existência, que estas palavras, e que não são minhas, provar-se-ão irrebatíveis e implacáveis!
Os infelizes que se tornaram sábios já sabem que elas são verdadeiras... os sábios que não se entregaram as infelicidades também sabem da veracidade delas... os velhos que aproveitaram o tempo para refletir concordam com elas também... os jovens que tenham crido mais na Palavra do que nos testes das tentações, também sabem acerca da infalibilidade do que aqui se afirma.
A maioria, entre-tanto [...], parece precisar entregar-se ao engano a fim de que, enganados e desiludidos, venham a aprender o que está estabelecido pela Experiência do Criador.
Sim, daquEle que nos fez, e sabe como e para o quê nos criou.
Eu, porém, sei que muitos terão que se arrebentar a fim de darem crédito a tais palavras.
Enquanto isto, fala-se... mas sabe-se também que nada substitui a dor ungida pela Graça nas noites escuras das desilusões.
E muitos parece deixarem o encontro com a Verdade de Deus para as portas do Hades!
Está escrito: "Eu vos tenho dito"! 

Sei que tal palavra é dura... porém... necessária!
Pense Nisso!

***

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 22h47
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

14.02.2012


MODERAÇÃO

***

Um caminho moderado em Eclesiastes 3:1-8

  

“Para tudo há uma ocasião, e um tempo para cada propósito debaixo do céu:

tempo de nascer e tempo de morrer,

tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou,

tempo de matar e tempo de curar,

tempo de derrubar e tempo de construir,

tempo de chorar e tempo de rir,

tempo de prantear e tempo de dançar,

tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las,

tempo de abraçar e tempo de se conter,

tempo de procurar e tempo de desistir,

tempo de guardar e tempo de lançar fora,

tempo de rasgar e tempo de costurar,

tempo de calar e tempo de falar,

tempo de amar e tempo de odiar,

tempo de lutar e tempo de viver em paz.”

 

Jesus sabia o momento certo para todas as coisas, desde a exortação até a lavagem dos pés, desde o falar suave ao ouvido de João, até os gritos na porta do templo.

Ele sorria, mas não vivia sorrindo, também chorava... chorava, mas não era depressivo.

Encontrava no Pai razões pra ser feliz.

Falava do preço do Reino, mas não deixava de falar das promessas.

Falava das promessas, mas não deixava de falar das perseguições.

Falava das perseguições, mas não deixava de falar do Consolador que viria.

Comia e bebia com pecadores, mas não pecava, antes mostrava sua santidade.

Mostrava sua santidade em todos os lugares, mas não era um “santarrão” como os hipócritas fariseus, antes entendia a debilidade humana.

Sempre mostrava os dois lados, para chegar ao equilíbrio.

Não era polarizado, mas andava pelo Caminho, que de tão estreito facilita a moderação.

É por aí...

 

 

 

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 04h44
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

10.02.2012


Ah! CANSEI...

 

***

 

Cansei...

Cansada estou, especialmente, de ser a pessoa certinha, de acordo com os padrões, 'redondinha' como mandam as regras.

Se eu pudesse viver novamente a minha vida…

Que tal começar a ser feliz, fazer algo que nunca dantes fizera…

Se eu pudesse viver novamente a minha vida,

na próxima vez trataria de cometer bem mais erros.

Não me esforçaria para ser tão perfeita…

Eu seria bem mais tonta ainda do que tenho sido…

Em verdade, levaria a sério bem poucas coisas.

Eu relaxaria mais….

Correria mais riscos…

Viajaria mais…

Contemplaria mais entardeceres…

Subiria mais montanhas…

Nadaria mais rios…

Iria a mais lugares para onde eu nunca fui…

Tomaria mais sorvetes e menos sopa de lentilhas…

Teria mais problemas reais e menos problemas imaginários…

Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata e produtivamente cada minuto de minha vida.

Claro que tive momentos de alegria, mas, se pudesse voltar a viver,

trataria de ter somente bons momentos…

Porque, se vocês não o sabem, é disso que é feita a vida…

Só de momentos!

Não convém desperdiçá-los agora.

Eu era uma dessas pessoas que nunca ia a parte alguma sem levar

termômetro, uma bolsa de água quente, um guarda-chuva

e um relógio.

Se eu voltasse a viver, viajaria mais leve…

Se eu pudesse voltar a viver,

começaria a andar descalça no começo da primavera

e continuaria assim até o final do outono…

Circularia mais na minha rua…

Contemplaria mais amanheceres e brincaria mais com as crianças…

Se tivesse uma vida pela frente…

 

***

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 06h51
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02.02.2012


MINHA SÚPLICA NESTA MANHÃ!

***

 

Senhor, somente Tu sabes como se sente minh’alma, espírito e físico como resultante de tamanha tristeza.

Ainda assim, quero ser-lhe grata em meio a toda esta circunstancia, porque sei que em TUDO  tem Seu propósito, por isso, lhe dou graças em meio ao choro, às angustias da dor de alma.

 

Sei que mais uma vez sairei desta... consciente que TUDO há de coloborar para meu bem que é o bem dos meus filhos!

Quero pedir-lhe:

***

*Dá-me um coração úmido de humildade, para que as sementes da verdade nunca deixem de dar seu fruto em mim!

*Dá-me uma atitude mansa e controlada, para que eu não perca nada da Tua herança!
* Concede-me a benção de sentir e de me importar com a vida sempre, para que meu coração ande ininterruptamente consolado até enquanto chora!

*Serve meus olhos e coração com pureza no enxergar, no interpretar e nos discernir, para que Tua face não desapareça do meu olhar!

* Que a coragem da paz e da pacificação não se esguiem de mim pelas tentações do conforto e da indiferença, para que eu jamais deixe de caminhar como uma filha de Deus nos caminhos desta existência de guerras!

* Salva-me de satisfazer-me com este mundo de injustiças e iniqüidades, antes, concede-me sede do que seja bem e bom para os homens, a fim de que eu jamais perca a fartura do Teu amor como galardão para o meu ser!

* Dá-me intrepidez e desassombro nas perseguições que a fome e a sede de justiça fizerem vir sobre minha vida, para que eu não me desligue da nuvem de testemunhas do Teu amor na história dos humanos!

* Permite-me jamais fugir da verdade, mesmo ante os piores desconfortos e ameaças, para que eu não perca a amizade de profetas e de anjos!

* Enche minha mente com a visão da Tua glória, em todas as circunstâncias, para que em dias maus eu não olhe para baixo, mas sim para o alto, de onde vem a minha salvação!

 

E quando tudo parecer contrário, dá-me a lembrança de que é em contrário a tudo que seja contra o amor que me puseste para caminhar, para que na Tua Vinda eu me erga exultante!

*** 

Sim, eu Ti peço que me concedas este caráter, e, desse modo, em todo o tempo e em todas as circunstâncias, não viverei outra vida que não seja a de uma filha do Teu amor e da Tua santidade.

Não sou de mim mesma suficiente para nenhuma dessas coisas, assim, derrama Teu amor, Teu Espírito e Teu Favor sobre mim, para que em tempo algum eu pense que meu caráter possa sustentar os pedidos desta oração!

Em Ti Jesus, meu corpo, alma e espírito aguardam hoje e sempre a Tua salvação!

 

MBB

 

 

Escrito por Mulher Brasil Brasileira às 04h33
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sul, LONDRINA, Mulher, Portuguese, Spanish

Histórico